blender-tutorial-sculpt-2-capa

Essa aula é a continuação da anterior. Como foi dito já, o Modificador Multiresolution deve ser aplicado para uma boa performance.

É um modificador pesado, então exige paciência para que consiga bons resultados. Vamos então à especificação de alguns pincéis básicos e funções básicas do Sculpt Mode.

Recomendo que assista também o vídeo, pois as transformações que ocorrem ao vivo dão um exemplo melhor do que o tutorial escrito pode dar nesse caso.

Veja no índice dos tutoriais no site que, ao lado do link para o tutorial escrito, há o link para o vídeo.

Na imagem abaixo, você pode acessar o Sculpt Mode clicando no local em destaque em branco no cabeçalho de baixo da Janela 3D.

blender-tutorial-sculpt-2-01

Em seguida, clique no item destacado acima, pincéis. Verifique se o Modificador Multiresolution está oferecendo uma boa densidade para seu objeto, aumentando ou diminuindo o item Sculpt destacado em branco, na janela de propriedades do lado direito da imagem.

Veja agora na imagem abaixo algumas modificações feitas e quais pincéis foram usados:

blender-tutorial-sculpt-2-02

Para o uso dos pincéis o procedimento é o já mencionado acima. Todos estão especificados do lado direito do objeto, na janela 3D.

Abaixo, a descrição dos pincéis que foi retirada do Wiki do Blender:

Blob – gota

Empurra a malha para fora ou para dentro para uma forma esférica com configurações para controlar a quantidade de beliscar na borda da esfera.

Clay – Argila (C)

Similar ao pincel Draw – (desenhar), mas inclui configurações para ajustar o plano no qual o pincel atua.

Clay Strips – Tiras de argila (C)

Semelhante ao pincel de argila, mas utiliza um cubo de teste para definir a área influência do pincel, em vez de uma esfera.

Crease (Shift-C)

Cria entalhes afiados ou saliências, empurrando ou puxando a malha, enquanto pressiona os vértices juntos.

Draw (X) – Desenhar

Move vértices para dentro ou para fora, a partir da média normal dos vértices contidos dentro do traço desenhado do pincel.

Fill – Preencher

O pincel de preenchimento funciona como o pincel Flatten, mas só traz vértices abaixo do plano do pincel para cima. O inverso do pincel Scrape (Raspe) é aprofundar –Deepen  -empurrando vértices acima do plano para baixo.

Flatten Achatar (Shift-T)

O pincel Flatten encontra um ‘ área do plano’ localizado por padrão na altura média acima / abaixo os vértices dentro da área do pincel. Os vértices são, então, puxados para este plano. O inverso da escova Flatten é o pincel de contraste (Contrast) que empurra vértices de cima ou de baixo para fora do plano da escova.

Grab Agarrar-(G)

Grab é usado para arrastar um grupo de pontos ao redor. Ao contrário dos outros pincéis, Grab não modifica diferentes pontos quando o pincel é arrastado sobre o modelo. Em vez disso, Grab seleciona um grupo de vértices sob o mouse pressionado, e os puxa para seguir o mouse. O efeito é similar a mover um grupo de vértices no modo de edição com-edição proporcional habilitada, exceto que Grab pode fazer uso de outras opções do Modo Sculpt (como texturas e simetria).

Inflate  – Inflar (I)

Semelhante ao pincel Draw (desenhar), exceto que os vértices no modo de inflar são deslocados na direção das suas próprias normais.

Layer – Camada (L)

Esta escova é semelhante ao pincel Draw, exceto que a altura da camada de deslocamento é limitada. Isto cria o aparecimento de uma camada sólida sendo desenhada. Este pincel não desenha em cima de si mesmo; uma pincelada intercepta a si mesmo. Soltar o botão do mouse e iniciar um novo traço irá repor a profundidade e pintar em cima do traço anterior.

Nudge – cutucada

Move vértices na direção do traço do pincel.

Pinch -Beliscão (P)

Pinch, puxa os vértices na direção do centro da escova. A configuração inversa é Magnify (Ampliar), no qual os vértices são empurrados para longe do centro do pincel.

Rotate – Rodar

Gira vértices dentro do pincel na direção em que o cursor é movido.

Scrape -Raspar

O pincel Scrape (Raspe) funciona como o pincel Flatten, mas só leva vértices acima do plano para baixo. O inverso do pincel Scrape é Pinch que vai apertando vértices acima do plano, para fora do plano.

Smooth – Suave (S)

Tal como o nome sugere, elimina irregularidades na área da malha dentro influência da escova alisando as posições dos vértices.

Snake Hook – Serpente gancho (K)

Puxa vértices junto ao movimento do pincel para criar formas longas, de cobra.

Thumb- Polegar

Semelhante ao pincel Nudge que achata a malha na área do pincel, enquanto o move na direção do traço do pincel.”

https://www.blender.org/manual/painting_sculpting/sculpting/introduction.html?highlight=sculpt%20mode

Para o uso de texturas, vá até o item “Texture”, na janela T de Sculpt Mode, e clique nele.

Para usar textura no Sculpt Mode, o próximo passo é ir para a janela texturas na janela de propriedades do lado direito, escolher uma delas (no meu caso escolhi Clouds), ajustar os parâmetros que queira e voltar à janela T do lado esquerdo.

Coloque seu mouse sobre a imagem abaixo do item “Texture” e clique na textura que escolheu. Pegue seu pincel e comece a pressioná-lo sobre o objeto.

Se sentir que o resultado que espera está pouco aparente, você pode melhorar a performance, indo no item de Strength (força) do pincel e aumentando.

A “mãozinha” que se vê do lado direito de alguns dos itens (strength inclusive) é para controle de quem usa a mesa gráfica. Acione ou desligue-a pressionando nesse botão. Se, no entanto não usa mesa gráfica, não se importe com ela. Esse item só fará diferença se o Blender identificar uma mesa gráfica no seu computador.

Índice

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *